2 de nov de 2012

Sinceramente...

            Tumblr_mctw77njzo1rvvoymo1_500_large
Deixe-me terminar de contar a nossa história para as estrelas. Escrevi todos os nossos passos em um antigo papel de odor duvidoso. Coloquei todas as nossas tolices em uma garrafa de rum de 1870. Joguei-a sem receio na vastidão azul que se estendia infinitamente na orla. Um pescador me observou distraidamente enquanto eu sorri com tristeza.

2 comentários:

Alexandre Lucio Fernandes disse...

ÀS vezes o ontem nos pesa, e a jogamos ao mar, engarrafadas, para não saírem. Deixe que o tempo dela se desfaça. A tristeza sempre atingirá, porque toda experiência vivida, sentida e amada é uma parte de nós... A tristeza ressoa, porque é como se nós despedíssemos de uma parcela importante do que foi nossa vida.

Lindo Tammy!!

Beijo!

Scarlat Assunção disse...

Fascinante, você.