3 de mar de 2013

Florescente.


                   166b714dd15d7afe669b13179b2f60dd_large

Porque Tu sabes quem sou.
Delineada de flores escarlates e violetas azuis.
Cada canto de mim esquadrinhado pela sua onisciência.
Sua voz como um vento tranquilo me chamou para fora:
De mim, das dores, das cinzas.
Porque cada palavra que eclodiu de você me tomou por inteira.
Agarrou-me em cada fonema verossímil e me abriu a porta do cárcere.
Floriu cada brotinho recém plantado na alma, e faz as rosas cantarem quando você passa.
Porque seu amor me restaura e me inova.
Até os pensamentos que antes tão negrumes jazem amenos e brandos em minha mente.
Quando você me viu e me segurou eu senti que havia achado o meu grande amor, minha paz.
Porque você me faz melhor, e me transforma.
Apenas um sublime toque e tudo em mim mudou.
Amor, perdoe-me pelas palavras fracas, é uma maneira que encontrei de te conhecer, de conversar.
Até mesmo na silenciosa penúria tu estás.
E ali conversamos até o sono chegar.
Deixe-me te sentir em cada verso, em cada cor, em cada animalzinho e nas músicas floridas de amor.
Porque seu amor é a cura, Jesus.

Um comentário:

Desa disse...

O amor é a cura :)