16 de fev de 2013

Refúgio.

Modelo: Desa A.
Iparana, CE.
Brasil


Acaso busquei nos lugares errados a paz que só existe em Ti.
Vasculhei enciclopédias e livros, em busca da verdade que só encontrei na tua Palavra.
Escrevi poemas e prosas tentando compreender a minha insatisfação constante, esse vazio interno.
Tentei encontrar alguém que me entendesse, que estivesse comigo nas horas ruins, mas no desespero só havia você.
Os livros se mantiveram quietos na mesa e as velas se apagaram na penumbra. 
Apenas sua luz iluminou a escuridão que me atormentava.
Seu amor me tocou de modo que nada nem ninguém conseguiu me tocar.
E agora posso descansar em Ti, pois encontrei um lar para habitar.
Refúgio achei nos teus átrios, querido Mestre.
Obrigado por me amar papai!



Um comentário:

Vitória disse...

Que belas palavras! Acho mesmo que o único que estará sempre conosco é Ele:) Me identifiquei demais...
Beijos,
http://menina-do-sol.blogspot.com.br/