17 de nov de 2012

Em um relacionamento sério.



Em tempos de liquidez sentimental estar em um relacionamento sério é algo, cada vez,mais incomum. Quando passo as pupilas nos perfis sociais de amigos, percebo como um status pode refletir a realidade que certa pessoa esta vivendo. Descartando as atualizações de fatos rotineiros, como " varrendo a casa, limpando o banheiro", existe uma vastidão de indiretas que mais confundem que ajudam as mentes turbulentas que "habitam" nesse ambiente quase rarefeito. Todavia, o mais engraçado é a sórdida atualização de relacionamento. De sério para engraçado e deste para enrolado... bem reflexivo se analisarmos a realidade que se encontra os relacionamentos da pós-modernidade. Como diz Bauman, o amor se tornou líquido, e os sentimentos se tornam cada vez mais voláteis a medida que os tratamos como meros produtos de troca. Um tiquinho de afeto, disse a moça da mesa 5, e lhe serviram sem demora duas gotinhas de distração. Um fast foot de emoções calóricas, que aumentam a pressão e evaporam como água fervente. Em um dia azul estão em um relacionamento sério e no outro, no outro dizem estar felizes pelo fim do namoro de dois dias. Aconselhando os outros com fases furtadas de sites românticos da internet. E tem aqueles que estão em um relacionamento enrolado, que será isso meu Deus? sempre que vejo esse disparate me vem a mente duas pessoas bobas enroladas no novelo de um gato persa. Por essas e por outras me policio acerta do que escrevo. Evito, mas não resisto a explanar algumas poesias rotineiras, dessas que pedem gentilmente para serem libertadas. Relacionamento sério, é sério. Mas sem a cara fechada de um adulto mal humorado, mas com a solidez de um nó bem dado. Nesses tempos de aquecimento e geleiras derretendo, vale a pena acreditar que ainda há pessoas que buscam algo sincero. Que queiram se relacionar com alguém e não com um mero ser que o fará mudar de status. Em primeiríssimo lugar, devemos buscar fortalecer a nossa comunhão com Cristo, depois a gente pensa em romantismo. Corações fortalecidos em Deus sabem valorizar os sentimentos, e não precisarão mudar de relacionamento para aprender isso.

Paz e Graça *)

2 comentários:

Karine Maciel disse...

Ah,o amor! Hoje em dia as pessoas dizem "Eu te amo" com uma facilidade tão grande. Isso me intriga. Me vejo como uma romântica à moda antiga e me recuso a entrar nesses padrões de falsos amores. Se é pra dizer que ama,que ame de verdade. Ninguém gosta de ilusão,todos querem a verdade.

Adorei a postagem,amiga! Como sempre,muito sábia no uso das palavras ^^

Anônimo disse...

Show nega!!
Quemuel