1 de out de 2011

Fuja das paixões!

Tumblr_lsb07yidyx1r1vhsuo1_500_large
Fuja das paixões da mocidade e procure viver uma vida correta, com fé, amor e paz.
2 Timoteo 2.22



Época de amores tipo miojo,rápido prático e instantâneo.
Você fica se analisando no espelho à procura de motivos para estar sozinha.
As velas de um jantar esquecido,um livros de romance empoeirado,uma casa vazia de sorrisos.
Perguntas subliminares a tecer angústias falciformes.
E o medo de continuar costurando os remendos velhos de paixões umedecidas.
É sabido que as paixões tragam nossos melhores anos;mas quem pensaria nisso ao olhar ''o amor da sua vida''?
Ardentemente eu ouço meu coração suplicar por sossego;''dá-me um dia de paz''ele diz!
Mas aqui estou,suprida de enlaces desfeitos e sonhos mofados,com pés machucados de tantas pedras tropeçadas.
Territórios desconhecidos esperam pela minha coragem;o tempo de me apaixonar cessou.
Aparentemente me desapaixonei pela paixão,desencanto almejado que agora faz parte desse coração rústico.
Quantos quilômetros esperam pelos meus pés,quantas avenidas chamam-me incessantemente,quantas paisagens aspiram os meus olhos,tantos paraísos à espreita de mim.
Agora minha janela está escancarada para o mundo,para os bons fluidos,aquarelas infinitas de um arco-íris disperso.
Enfim,estou na beira mar,flutuando entre rosas,cercadas de colibris e pintassilgos,violetas e um leve frescor de eucalipto.
Só me apaixonei uma vez,o resto foi reticência.Agora respiro ares refrescantes por estar livre das paixões ociosas.Agradecida a Deus pela Liberdade! 

Um comentário:

Desa disse...

Estou completamente apaixonada pelo seus versos. Sinceros e intensos.