23 de jun de 2012

Meu Complicado amor.


Complicado começar a falar sobre uma pessoa que queima tudo dentro de você, e depois vem como chuva mansa acalmando cada chama.Estou completamente envolvida pela simetria do seu rosto a pensar seriamente.E recordo como foi encantador e claro aquele dia em que vislumbrei seu rosto pela primeira vez.E de como eles me pareceram azuis a princípio.Mas eles são verdes como uma esmeralda.Tão delicados em seu brilho.Cada cílio a transpor toda luminosidade do seu ser.Meu coração se apaixonava pelo seu a cada dia que se aglomerava no calendário do ano que se passou.E tudo ainda está aqui,pulsando com toda força como nunca palpitou antes.Seus olhos perto de minha ísis,tornando tudo tão claro a minha visão.Tão puro ver esse seu sorriso quebrando todas as correntes que me prendiam na montanha.Seu jeito de ser que me faz rir,tão engraçado como pássarinho a brincar em uma fonte. E eu estou com uma mania tão maluca de procurar no rosto dos outros os teus olhos,a tua mandíbula,o formato da face,a boca,o delinear dos braços,e a maneira de caminhar.Mas ninguém possui esse teu sorriso.E nunca haverá alguém que consiga mecher tanto com meus batimentos como você.E uma das mais magnificas coisas que você me proporciona,é essa estranha e doce forma de fazer-me tão espantosamente viva.Como me sinto tão eu ao seu lado.Parece bobo dizer isso em versos,mas sou apaixonada pela sua mansa voz.E como ela me traz paz ,como uma brisa sublime a soprar em meu rosto preocupado.Seu corpo tão confortável a me abraçar.É estranho olhar-te de longe.Melhor te ver bem perto.Com esses olhos esverdeados a me derreter como um sorvete em dias ensolarados.Você é uma das mais belas maravilhas que ganhei,encantadoramente enviado por Deus para fazer-me ainda mais feliz.Palavras são tão pequeninas para expressar tudo que aqui cresce cada dia mais...Só peço a Jesus que continue a nos amar dessa linda forma,e manter esse amor aceso aqui dentro,fumegando dentro de mim.

Um comentário:

Desa disse...

o que eu posso dizer...sou sua fã! eu admiro a sua força de não se integrar ao mesmo silêncio que o seu 'amor' habita e está sempre tentando tirá-lo de lá, mesmo que não perceba. Eu não diria sacrifício..mais uma escolha. E se for por amor, espero que venha valer a pena.